Anti Crise Portugal

Dicas para ultrapassar a crise

No supermercado

with 5 comments

Encontrei mais um blog útil para as nossas carteiras🙂
tem a ver, neste caso concreto, com as idas ao supermercado, que estão idealizados para que o cliente entre e esbanje… É sempre um drama a ida ao supermercado, especialmente quando é o início do mês e a conta do banco ainda tem os restos que sobraram dos pagamentos das contas habituais… Nunca saio do supermercado (hiper) sem um carrinho, sem um boneco, sem qualquer coisa que os putos pediram, e, coitadinhos, eles não têm culpa da crise… há coisas que é impossível negar… uma “lembrancinha” do hiper não mata, mas ajuda a empobrecer…
De qualquer forma, aqui fica o link com muito daquilo que já sabemos, mas que se calhar nem sempre fazemos… e para mim a regra n.º 1 é: não levar filhos… comprar a “lembrancinha”, mas sem os ter por perto, se não a “lembrancinha” sairá cara…

como poupar no supermercado

Written by taniacamilo

Outubro 18, 2010 às 11:44 am

Publicado em Economia doméstica

Tagged with ,

5 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Eu tenho uma solução alternativa: supermercado online.

    Vantagens:

    – permite ordenar a lista de produtos pelo valor/kg (ou litro) a dividir pelo peso/ml da embalagem, ou seja, dá o valor *real* dos produtos em vez do valor por embalagem (por embalagem muitas vezes parece mais barato e, entre estar ali a fazer 500 contas de cabeça no corredor de supermercado ou olhar para uma listinha já ordenada, nem hesito na escolha :-D);

    – permite ter listas de compras pré-definidas, pelo que o tal “extra” ou “prendinha” (que a mim também me acontece se fôr à loja física) já não entra!;

    – é possível aproveitar vários tipos de descontos que só o online oferece, pelo que a taxa de entrega muitas vezes acaba a ser de 0€ (e é dinheiro que poupo em gasolina e tempo e a minha querida coluna e… :-P);

    – os supermercados online oferecem sempre amostras / ofertas de vários produtos (em compras acima dos 100€ – o que com mercearia e detergentes para um mês fácilmente lá se chega), o que sempre vai dando jeito (que me lembre já recebi refrigerantes, águas, vinhos, detergentes, cremes hidratantes, champôs, elixires dentífricos, jornais e copos. nada mal, hein? ;-P) – coisa que indo à loja não acontece de todo!!

    resumindo, recomendo vivamente o supermercado virtual para controlar (ainda) melhor os gastos.🙂

    sandrabnoronha

    Outubro 18, 2010 at 11:56 am

    • Mas esses serviços têm sempre um limite de km, não é? Nunca pensei muito nisso pq o hiper mais próximo é a 10 km de casa… mas hei-de investigar pq, de facto, poupa muita coisa, desde o “palpável” ao invisível, lol :))

      taniacamilo

      Outubro 18, 2010 at 12:02 pm

  2. Uma sugestão… compras em grupo! Um conjunto de pessoas compram alguns produtos que lhes possam ser úteis e, das duas uma, ou aproveitam as promoções existentes e depois dividem entre si, ou passam a comprar no grossista. Embora seja lateral, em países onde a crise é permanente, há métodos que vão perdurando como os fardos xi-calimidade!

    Rui Quinta

    Outubro 18, 2010 at 10:20 pm


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: